segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Lua em Glória

Eu sou na vida, ó lua, o teu mal desfeito!
Busquei entender em ti o que não me tinha.
Eu sei que esta tua vida jamais foi minha,
A sofrer na tua luz a dor que sinto no peito!

Tu és do clarão todo o esplendor perfeito!
És da noite a vida, das trevas é a rainha...
Voa as aves no teu tíbio, voa a andorinha,
A levar-me nas tuas asas o meu deleito!...

Eu sou quem te encanta no frio da noite!
As lágrimas que correm ao teu afoite...
Sou no teu beijar da alvorada os olhos teus!

Daria a minha vida a ti, por uma luz no dia,
Mas glória! Eu sou sobre ti toda a poesia!...
Do langor as vidas, a mim, só não és Deus!

Um comentário:

Dolandmay disse...

Sinto-me honrado por tanto Carinho Mary

Obrigado!!!

Seu blog está lindo!!!

Parabéns!

Dolandmay.

Já sou seu seguidor!